A juventude de Johnny Paulistano – Parte 2

A juventude de Johnny Paulistano – Parte 2

 

Agora Johnny vivia um grande dilema em sua vida: Bela.

Apesar de ser a maior paixão da vida de Johnny até o momento, o relacionamento com Bela já estava prejudicando sua vida.

 

Johnny não queria abrir mão tão fácil de uma relação de tantos anos, por isso, resolveu conversar com Bela.

Se Johnny soubesse o que o aguardava, talvez ele nunca devesse ter aquela conversa.

 

Bela já não era mais a mesma pessoa que Johnny havia conhecido seis anos antes. Ela já não sorria para Johnny, já não o fazia se sentir bem consigo mesmo e não passava confiança como no começo do relacionamento.

 

Apesar de Johnny ter tentado conversar com Bela de maneira amigável, a reação dela foi exatamente o oposto do que Johnny estava esperando. E, nesse dia, Johnny aprendeu mais uma lição sobre a vida: as mulheres não são todas iguais, e Bela era exatamente o que Johnny não queria para sua vida. O problema é que ele demorou vários anos para aprender isso.

 

O fim do relacionamento foi uma fase terrível na vida de Johnny. Quando ele teve a conversa final com Bela, pensava estar fazendo o mais correto para ambos os lados. Com o passar dos dias, uma depressão muito grande tomou conta do coração de Johnny.

Ele chegou a pensar que o sentimento ruim era por ter terminado com alguém muito importante, mas não era. Era apenas abstinência.

 

Com o tempo, tudo foi voltando ao normal na vida de Johnny.

Johnny voltou a estudar e se especializar em sua área de atuação e nunca mais deixou que ninguém atrapalhasse seu relacionamento com sua família.

 

Depois de tudo isso, Johnny e Bela já se encontraram diversas vezes nas idas e vindas da vida. Eles se olharam, mas os olhares já não são como antes e, sem dizer nada, um passa pelo outro como se a história que viveram juntos fosse apenas mais um sonho.

 

 

Essa foi “A breve história de Johnny Paulistano”. Uma história baseada em fatos reais.

 

Eu já aprendi muito e ainda aprendo com a história de Johnny.

As três principais lições que qualquer um que leia esse breve relato sobre sua vida pode identificar são:

  1. As mudanças e os desafios que surgem durante a nossa vida, muitas vezes, aparecem para nos fazer crescer e nos lapidar, nos tornando pessoas melhores ao vencê-los ou superá-los;
  2. Nem tudo que parece nos fazer bem realmente está nos fazendo bem. Só o tempo nos mostrará a verdade por trás de cada coisa;
  3. E o mais importante: nunca deixe nada, nem ninguém, ficar entre você e sua família.

 

Se você ainda não leu os capítulos anteriores desta crônica baseada em fatos reais, não deixe de conferir:

A breve história de Johnny Paulistano – Capítulo 1: A infância de Johnny Paulistano (Parte 1);

A breve história de Johnny Paulistano – Capítulo 1: A infância de Johnny Paulistano (Parte 2);

A breve história de Johnny Paulistano – Capítulo 2: A adolescência de Johnny Paulistano (Parte 1);

A breve história de Johnny Paulistano – Capítulo 2: A adolescência de Johnny Paulistano (Parte 2);

A breve história de Johnny Paulistano – Capítulo 3: A juventude de Johnny Paulistano (Parte 1).

 

 

 

Autor: Charles B. Rock