Três aspectos fundamentais para a revisão de textos

Três aspectos fundamentais para a revisão de textos

Na continuação do artigo anterior “A Importância da Revisão de Textos para a Propaganda”, hoje podemos abordar tópicos fundamentais para que uma revisão possa ser uma excelente ferramenta de comunicação.

Ortografia

Uma das boas regras de revisão é que a palavra em uso esteja escrita corretamente, pois é essencial que o leitor não venha a perceber que o texto ou artigo tem palavras escritas erroneamente. Dessa forma, o revisor deve se certificar que a ortografia está correta. O uso de bons dicionários, até mesmo os de certas especialidades, por exemplo se o assunto for referente à Medicina, Engenharia, Física, são os mais indicados para cada caso. Procurar sempre os dicionários mais excelentes também é um bom critério.

Não se baseia uma revisão apenas na memória, porque essa nos trai muitas vezes. Além disso, a Nova Ortografia da Língua Portuguesa está legalmente em vigor desde 1o. de janeiro de 2009. As novas regras, portanto, devem ser atendidas quando se faz uma revisão do texto ou artigo. Esse ‘acordo’ entre os países de língua portuguesa – Portugal, Brasil, Angola, São Tomé e Príncipe, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique e Timor Leste – está restringido apenas à escrita, não afetando a língua falada de cada nação.

Uma das temeridades sobre o uso da ortografia se relaciona muito à conjugação de verbos. Temos verbos defectivos que são conjugados diferentemente em cada pessoa ou tempo. Por isso, tenha em mãos um bom dicionário de conjugação verbal. Ele será um aliado para a revisão.

Gramática

Na gramática, podem estar incluídas N regras para a revisão. Tudo o que se escreve, essencialmente, tem relação com a gramática.

Uma palavra pode ter valor de substantivo em uma frase; em outra, pode ser considerada um adjetivo. Assim, praticamente não se consegue escrever um bom texto, artigo ou redação sem conhecer os preceitos gramaticais.

Isso nos garante um melhor aproveitamento do conteúdo, pois se certos princípios forem quebrados, dificilmente o texto passará a ideia correta. Poderá gerar confusão na mente do leitor, desclassificando dessa maneira o tema. Se uma ideia não estiver bem formulada e bem escrita, deixará de entregar a mensagem que deseja passar. Seu artigo não será lembrado, seu produto não sairá da prateleira, seu manual não será seguido.

Semântica

A semântica é o estudo do significado. Incide sobre a relação entre significantes, tais como palavras, frases, sinais e símbolos, e o que eles representam, a sua denotação.

A semântica está preocupada com a linguagem e seu uso. Por isso, tantas vezes lendo alguma notícia, você não consegue entender exatamente o que o escritor quis dizer: faltou aquele elo entre escrita e transmissão de ideias.

Na semântica, o importante é o significado e a interpretação do significado de uma palavra, de um sinal, de uma frase ou de uma expressão em um determinado contexto. Esse contexto é que vai garantir a releitura interpretativa por trás das palavras.

A revisão deve estar, então, atenta também para mais esse item, uma vez que o conjunto total do que transmitimos é que vai ser levado em conta.

Tratamos de três aspectos neste artigo e desejamos que ele seja útil para seu esclarecimento. Na próxima vez, vamos buscar esclarecer dúvidas que constantemente estão relacionados à revisão de textos e/ou à redação.

Autora: Marcela de Baumont

Via: Roxane Baumont